segunda-feira, 9 de maio de 2016

Aproximação como busca, que nunca chega ou encontra

fechadura enferrujada
                                   chave também
as janelas sujas cheias de marcas
são dedos
um batizado antes do nascimento é prefigurar a morte
compro flores
pago em notas miúdas
                                    aqui segue o inverno
elas que vêm de fora
de um país onde
tampouco duram muito
                                     não conhecem a manha
há tantas coisas sobre a cama que às vezes durmo sobre
outras no sofá
até que o sol me cubra ou exploda
escrevo.


Ellen Maria

Nenhum comentário:

Postar um comentário