quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

A dura matéria do pensamento

"Estar sola me hace pensar
en el realismo de las cosas quietas

soy objetiva:
                             las cosas están quietas
porque nadie las mueve

son obedientes y serviles.

*

Me siento en la cocina en un banquito
como si me sentara en una piedra
y me sostengo la cabeza con el puño de una mano
pero no soy el hombre que piensa:

tenso el cuerpo es tiempo de la fruta
que madura se deja caer como una idea:

si hubiera una justa medida del peso
la cabeza pesaría menos."

**

Estar só me faz pensar
no realismo das coisas paradas

sou objetiva:
                          as coisas estão paradas
porque ninguém as move

são obedientes e servis.

*

Sento na cozinha em um banquinho
como se me sentasse em uma pedra
e me sustento a cabeça com o punho de uma mão
mas não sou o homem que pensa.

tenso o corpo é tempo da fruta
que madura se deixa cair como uma ideia:

se houvesse uma medida exata do peso
a cabeça pesaria menos.


Liliana García Carril
Tradução: Ellen Maria

Nenhum comentário:

Postar um comentário